Projecto Francesinha Um Projecto de bem comer a norte

30Mar/111

A Tasquinha – Manhã Preenchida, Jantar Tranquilo

francesinha-300x213

Caríssimos, mais uma semana e o Projecto Francesinha está de volta. Esta terça-feira começou animada, ao ritmo de Banda Lusa, com a Sónia Araújo e o Jorge Gabriel a 'soltar a franga', mas já lá vamos. Primeiro foi a intervenção na telefonia, depois a reportagem para a imprensa dita escrita que agora não salta do nosso monitor, esta semana surgiu o convite para o pequeno ecrã. O Projecto Francesinha abraçou esta ideia e deu o seu contributo no programa Praça da Alegria. Representado por dois dos seus elementos fez o que na gíria se chama - Verdadeiro Serviço Público. O Projecto Francesinha conversou, provou, comentou, avaliou e o publico aplaudiu. Podem rever AQUI a participação do Projecto Francesinha na Praça da Alegria. Estejam atentos especialmente a partir vigésimo primeiro minuto. Nós adoramos, esperamos que vocês também tenham gostado. O que virá a seguir ? :)

Entrada TasquinhaVamos então agora ao Jantar Tranquilo. Mais uma vez, actuámos desfalcados. Já há algum tempo nos tinham falado deste local. Surgiu a oportunidade e nós avançamos. Ligadela da praxe, para que não haja equívocos. Falo-vos d'A Tasquinha - Bar dos Amigos, ali bem perto das praias. Local rústico, com um ambiente bem especial, ideal para 'aquele' jantar - se é que me intendem! Chegados ao local, a primeira surpresa agradável: porta fechada. É necessário tocar na pequena campainha para que a porta se abra. Adoramos ! Os grandes e cintilantes tesouros estão sempre guardados a sete chaves. Desta forma fazia antever que no interior estaria uma relíquia bem guardada.

Aguardamos alguns segundos, somos recebidos pelo proprietário, que amavelmente nos indica a nossa mesa. Mesa enfeitada com umas entradas, salgadinhos e manteiguinhas. O Projecto Francesinha gosta disto, vocês sabem bem. Para banhar a nossa refeição acatamos a sugestão do proprietário e pedimos uma Sangria de Frutos Silvestres. Algo novo, mas acabamos por ficar bem satisfeitos.

Cachecóis na TasquinhaPicamos aqui e ali. A selecção de todos nós recria-se na TV. Observamos o menu e rapidamente os nossos olhos se dirigem para a escolha óbvia - Francesinha à Tasquinha. Com tudo a que temos direito. Subitamente a casa enche. É sinal de que se preparam boas relíquias neste espaço.

Demoram em chegar, mas a conversa flui. Tema incontornável, a participação tranquila na Praça da Alegria. Contamos todos os pormenores aos restantes que não puderam comparecer. Desde a pintura até às pontuações dadas em directo para todo o País.

Chegam e nossos olhos observam um quadrado amarelo num prato de barro bem rústico a condizer com o espaço. Uma azeitona e uma fatia de presunto no topo. Tamanho que impressiona e que faz antever uma refeição farta. Pedimos mais uma Sangria, daquelas da fruta variada.

As Camisolas da TasquinhaAté aqui tudo muito bonito, primeiro corte e primeiro vacilo. O pão muito fofo e queijo com sabor que não agrada ao paladar de nenhum de nós. Avançamos para o interior e agora sim! Aquele pão que não nos agradou agasalha uns ingredientes de nível superior. Entretanto chegam as batatas fritas, doses individuais, olhamos para elas. A Francesinha mostra tudo aquilo que vale. Carnes de topo. Na quantidade perfeita para agradar. Um bife bem temperado, bem cozinhado e com as medidas ideais. Aconchegado com uma linguiça perfeita e uma salsicha fresca no ponto. Para compor temos ainda fatias de presunto e fiambre com qualidade de fazer inveja a muitas casas.

Olhamos novamente para as batatas fritas. Não inspiram confiança. Congeladas, pequenas e sem aquele brilho que reluz dos minerais mais preciosos. Demolhamos uma, e apenas uma, no molho e verificamos que de facto a imagem inicial corresponde ao seu sabor.

Esta a faltar o cerne da questão, como já devem ter reparado. O molho. Ora bem o molho. Não agradou a ninguém. Muito liquido, pouco picante. Para nós sem aquele sabor que dever envolver toda uma Francesinha. Esta Francesinha com um molho ao nível dos ingredientes, teria sem duvida voos bem mais altos, no nosso Top e nos estômagos dos demais comensais. O local vale essencialmente pelo ambiente diferente, pela qualidade dos seus pratos e pelo preço que apresenta que, para a região que está inserido, vale a pena uma visita. A Francesinha é que não passa da mediania...para nosso lamento.

Chegamos aos 25 locais visitados ! Um número considerável,  sustentado pela vossa participação e imaginação !

Muito Obrigado a todos ! Até breve !

Parâmetros lmatias
hvara
dalves TOTAL
Local 7 8 6 7.00
Molho 4 4 5 4.33
Batatas 6 4 5 5.00
Inovação 6 6 6 6.00
Ingredientes 7 8 8 7.67
Preço 8 8 7 7.67
PONTUAÇÃO FINAL 6.33 6.33 6.17 6.28
CUSTO TOTAL 8.50 €
Comments (1) Trackbacks (0)
  1. 25 francesinhas em 25 restaurantes diferentes :)

    isso é que é “gosto” pelo trabalho! :)


Leave a comment

(required)


*

Trackbacks are disabled.